24 de Março de 2020, 03:15
  -  Informativo - Pirenópolis
Polícia exige comprovante de endereço para entrar em Pirenópolis

O município de Pirenópolis, no leste de Goiás, fechou as entradas para turistas, apenas moradores e parentes de primeiro grau de moradores podem entrar. Ainda assim, é preciso apresentar comprovante de residência à Polícia Militar, seja conta de água ou luz, e os parentes devem mostrar documentos que comprovem o grau de parentesco. As medidas visam conter o avanço do coronavírus.

 

Outras medidas anunciadas estão em vigor desde quinta-feira (19), como o fechamento do comércio e o pedido aos turistas para deixarem a cidade. No fim de semana, três estabelecimentos foram multados por descumprir a ordem municipal: uma pousada, uma casa de temporada e uma empresa de telefonia.

 

Em Itumbiara, sul de Goiás, a administração municipal fechou a ponte Afonso Pena, que liga a cidade à Araporã, em Minas Gerais e a rodoviária municipal.

 

A rodoviária de Caldas Novas também suspendeu as operações nesta semana. As companhias aéreas Latam e Azul informaram o cancelamento dos voos para a cidade, que devem ser retomados em 30 de junho. Já a Gol afirmou que segue com as operações normalmente.

 

A Prefeitura de Buriti Alegre suspendeu o acesso ao Lago das Brisas, ponto turístico da cidade, por meio de decreto. O texto diz que "fica proibido na região do Lago das Brisas, o turismo, concentração de pessoas em espaços públicos e privados, acampamentos, atividades comerciais - com exceção de gêneros alimentícios, a utilização de lazer para embarcações e a entrada de novos hóspedes em hotéis, alojamentos, casas de aluguel e outros de curta estadia para fins de turismo”.

Fonte:G1-Goias

BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO