24 de Março de 2020, 03:15
  -  Informativo - Pirenópolis
Polícia exige comprovante de endereço para entrar em Pirenópolis

O município de Pirenópolis, no leste de Goiás, fechou as entradas para turistas, apenas moradores e parentes de primeiro grau de moradores podem entrar. Ainda assim, é preciso apresentar comprovante de residência à Polícia Militar, seja conta de água ou luz, e os parentes devem mostrar documentos que comprovem o grau de parentesco. As medidas visam conter o avanço do coronavírus.

 

Outras medidas anunciadas estão em vigor desde quinta-feira (19), como o fechamento do comércio e o pedido aos turistas para deixarem a cidade. No fim de semana, três estabelecimentos foram multados por descumprir a ordem municipal: uma pousada, uma casa de temporada e uma empresa de telefonia.

 

Em Itumbiara, sul de Goiás, a administração municipal fechou a ponte Afonso Pena, que liga a cidade à Araporã, em Minas Gerais e a rodoviária municipal.

 

A rodoviária de Caldas Novas também suspendeu as operações nesta semana. As companhias aéreas Latam e Azul informaram o cancelamento dos voos para a cidade, que devem ser retomados em 30 de junho. Já a Gol afirmou que segue com as operações normalmente.

 

A Prefeitura de Buriti Alegre suspendeu o acesso ao Lago das Brisas, ponto turístico da cidade, por meio de decreto. O texto diz que "fica proibido na região do Lago das Brisas, o turismo, concentração de pessoas em espaços públicos e privados, acampamentos, atividades comerciais - com exceção de gêneros alimentícios, a utilização de lazer para embarcações e a entrada de novos hóspedes em hotéis, alojamentos, casas de aluguel e outros de curta estadia para fins de turismo”.

Fonte:G1-Goias

BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO
BANNER PUBLICITÁRIO